Dia 1 | 27 de abril

Health literacy in practice: dreamland or bizopp?
Hernâni Zão Oliveira
Foto_Hernani
Moderador

Investigador e professor convidado da Universidade de Évora. É licenciado em Biologia e em Ciências da Comunicação, e possui dois mestrados: um em Oncologia Molecular, e outro em Educação para a Saúde. Co-coordena o Laboratório de Criação para a Literacia em Saúde, projeto desenvolvido no âmbito da sua tese de doutoramento em Literacia em Saúde e Media Digitais na Universidade do Texas, em Austin, EUA. É, desde 2019, fundador da startup BRIGHT, um projeto orientado para o desenvolvimento de produtos inovadores na área da inovação em saúde. Os seus projetos de capacitação têm obtido atenção internacional, destacando-se a atribuição de prémios como o Astellas Oncology C3 Grand Prize Award, Prémio de Empreendedorismo Social Diogo Vasconcelos e Prémio RedEmprendia Banco Santander. Foi agraciado com o Prémio Cidadania Ativa da Universidade do Porto, Prémio Starship da rede EIT Health (Universidade de Sorbonne, Paris) e com um voto de louvor da cidade de Esposende, pelo desenvolvimento de um programa de combate ao bullying em crianças sobreviventes de cancro. 

Miguel Arriaga
MiguelArriaga-3
Teórica

Chefe da Divisão de Literacia, Saúde e Bem-estar na Direção-Geral da Saúde. Doutorado em Psicologia, Mestre em Psicologia Clínica e da Saúde.  

Coordenação de projetos na área da Promoção da Saúde, Literacia em Saúde e Implementação de Políticas de Saúde, comunicação de Crise e Comunicação de risco e intervenção psicossocial em situações de crise e emergência.  

Membro da Task Force da DGS para resposta à COVID-19 e da Task Force para as Ciências Comportamentais para resposta à COVID-19. 

Professor Auxiliar na Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade da Beira Interior, na UC de Medicina Preventiva, na ESDRM na UC de Health Policy Implementation e da Universidade Católica Portuguesa.  

É também investigador com vários artigos publicados. Colabora em diferentes grupos de peritos internacionais e European Joint Actions.  Vencedor do prémio Nacional de Saúde Pública 2018. 

Maria João Nobre
MJNobre_191021_GMBA_0273
Prática

Maria João Nobre, frequentou a Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, realizou o internato de Medicina Geral e Familiar na ARS Algarve. Conclui o Global MBA pela IE Business School em Julho de 2021.

Exerce atividade clínica no Grupo Trofa Saúde em São João da Madeira e é COO na Wiselife, start-up de literacia em saúde. É coordenadora do Grupo de Estudos de Saúde Digital e membro do Grupo de Estudos de Gestão em Saúde da APMGF, e representante europeia do ASPIRE Global Leaders Program (programa de liderança dos Jovens Médicos da WONCA – Organização Mundial de Médicos de Família).

Beatriz Lourenço
Beatriz Lourenço
Estudante
Médica Psiquiatra, assistente hospitalar no Centro Hospitalar Psiquiátrico de Lisboa, onde desenvolve a sua atividade clínica, a par de projetos de investigação e atividade académica. É coordenadora do Núcleo de Intervenção Comunitária de Lisboa e do Núcleo de Literacia desse hospital.
Mestre em Antropologia, é sócia fundadora e vice-presidente da associação sem fins lucrativos Manifestamente. Tem realizado diversos trabalhos na área da literacia em saúde mental e combate ao estigma, dos quais se destaca o Kit Básico de Saúde Mental e o Programa de Capacitação de Dinamizadores Locais, projetos cofinanciados pelo PNSM/DGS,
É doutoranda em Saúde Pública, na vertente de promoção da saúde na ENSP.​
Future primary care: does contractualization leave space for innovation?
Cristiano Figueiredo
WhatsApp_Image_2021-09-22_at_17.46
Moderador
  • Médico de Família na USF da Baixa, ACES Lisboa Central, ARSLVT.
  • Doutorando em Saúde Pública na Escola Nacional de Saúde Pública, Universidade Nova de Lisboa.
  • Co-fundador e coordenador do Projeto Piloto de Prescrição Social de Lisboa.
    • Vencedor do Prémio Saúde Sustentável 2019 – Cuidados Primários.
    • Finalista do Prémio Boas Práticas em Saúde 2019.
  • Co-coordenador do NOVA PSOA – Grupo de Investigação para a Implementação e Avaliação da Prescrição Social.
  • Fundador e coordenador do projeto Walk with a Doc Lisboa e Bengalisboa Community Health Project.
  • Vice-Presidente da Associação de Estudantes da Escola Nacional de Saúde Pública.
André Biscaia
Imagem1
Teórica

Exerce funções de médico de família no Serviço Nacional de Saúde na USF Marginal do Agrupamento de Centros de Saúde de Cascais na Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo.
Doutorado em Saúde Internacional, especialidade de Políticas de Saúde e Desenvolvimento, no IHMT – Instituto de Higiene e Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa.

Presidente da USF-AN (Associação Nacional das Unidades de Saúde Familiar) e Coordenador Nacional do Plano de Ação para a Prevenção da Violência no Setor da Saúde. Ex-Vice-Presidente da APMGF – Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar.

Sir Sam Everington
Sir_Sam_Everington
Prática

Sam é GP em Tower Hamlets desde 1989 na Bromley by Bow Partnership. O centro tem mais de 100 projetos sob sua alçada, que incidem sobre os vários determinantes de saúde. O centro utiliza a prescrição social como ferramenta chave. É vice-presidente do North East London CCG.
Em 1999, recebeu o título da Order of the British Empire (OBE) pelos cuidados de saúde primários em cidades rurais em 2006, o Prémio Internacional de Excelência em Cuidados de Saúde e em 2015 um título de cavaleiro pelos cuidados de saúde primários. É membro dos conselhos Ministerial National NHS Infrastructure, NHS Resolution e East London Foundation Trust e é Professor Honorário da Queen Mary University of London e Vice-Presidente do Queen’s Nursing Institute.

Teresa Garcia
Teresa Garcia
Estudante

Teresa Garcia é médica Interna de Saúde Pública no ACES Dão Lafões. 
Realizou o Curso de Especialização em Saúde Pública da Escola Nacional de Saúde Pública, em 2020, e a pós-graduação em Gestão Empresarial das Instituições de Saúde pela Coimbra Business School, em 2020/2021. 
Durante a Presidência de Portugal do Conselho da União Europeia, foi Health Attaché na Missão permanente de Portugal junto das Organizações das Nações Unidas, em Genebra. 
Atual membro da Comissão de Médicos Internos de Saúde Pública da Zona Centro e estudante do Mestrado em Saúde Pública na Escola Nacional de Saúde Pública. 

Urban health policy: local solutions for unequal problems
Ricardo Mexia
RMexiaThumb
Moderador

Ricardo Mexia é médico de Saúde Pública, no Departamento de Epidemiologia (DEP) do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge.

Mestre em Saúde Pública pela ENSP (2013). Presidente do Conselho Fiscal da Associação de Antigos Alunos da ENSP.
Presidente da Junta de Freguesia do Lumiar desde 2021.
Assistente Convidado de Medicina Preventiva e Saúde Pública na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, desde 2014. Assistente convidado de Epidemiologia do Departamento de Ciências Biomédicas e Medicina da Universidade do Algarve, desde 2015.

Foi Presidente da ANMSP – Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública.

Ângela Freitas​
Angela Freitas
Teoria

Ângela Freitas é geógrafa e investigadora no Centro de Estudos de Geografia e Ordenamento do Território, na Universidade de Coimbraonde desenvolve investigação na área da geografia da saúde, com foco na saúde urbana e políticas públicas. Atualmente, encontra-se a desenvolver a sua tese de doutoramento em “Políticas públicas e equidade em saúde: o papel dos governos locais na promoção da saúde da população”.

É mestre em Sistemas de Informação Geográfica e Ordenamento do Território e licenciada em Geografia, Ordenamento do Território e Desenvolvimento. Em 2014, recebeu o prémio Ryoichi Sasakawa Young Leaders Fellowship Fund. 

Miguel Correia Brito
Miguel Correia de Brito
Prática

Curso de Arquitetura pela Universidade Lusíada, Pós-graduado em Direito do Ambiente, Ordenamento do Território, Urbanismo e do Turismo, pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.   

Professor convidadoCurso de Especialização em Territórios colaborativos: Processos, Projeto, Intervenção e Empreendorismo – ISCTE. 

Ingressa na CML em 2002, no Urbanismo, sendo convidado em 2009 pela Vereadora Helena Roseta, para colaborar no seu Gabinete, vindo a lançar e coordenar a Estratégia BIP/ZIP. Este percurso culmina, em 2015, na constituição do Departamento de Desenvolvimento Local que vem a liderar, promovendo a nova estratégia e ecossistema de Cogovernação da Cidade, distinguida como Boa Prática Europeia. 

Joana Maia
Joana(1)(1)
Estudante

Médica interna de formação especializada em Saúde Pública na Unidade de Saúde Pública do Agrupamento de Centros de Saúde do Estuário do Tejo. Atualmente, a realizar o estágio de investigação no âmbito do Internato Médico no Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge e tendo terminado de frequentar a Pós-graduação em Saúde Sexual e Reprodutiva em Mutilação Genital Feminina, na ENSP- UNL. 

Exerce atualmente funções de Presidente da Comissão Organizadora de XIII Encontro Nacional de Médicos de Saúde Pública e como membro da Comissão de Médicos Internos de Saúde Pública da Região Lisboa e Vale do Tejo. 

Social impact bonds: new players for tackling health inequalities?
Margarida Anselmo
Margarida Anselmo
Moderadora

Margarida Alselmo lidera o trabalho de Advisor do setor público da MAZE, onde tem coordenado várias iniciativas,  incluindo a performance de quatro Social Impact Bonds nas áreas da proteção social, emprego e saúde mental. Apoiou ainda o MaRS Centre for impact Investing em Toronto.

Margarida Anselmo completou um MSc in Economics e ainda um CEMS Master’s in Management da NOVA SBE e UCD. 

A MAZE é uma empresa de investimento em impacto que acelera e investe em soluções dirigidas para problemas sociais e ambientais. O trabalho de Advisor do setor público da MAZE foca-se na promoção de serviços sociais baseados em outcomes, data-driven e centrados do utilizador. 

Ana Filipa Cândido
AFC
Teoria

Ana Filipa Cândido é licenciada e mestre em Sociologia pelo Iscte-Instituto Universitário de Lisboa. Atualmente, é aluna do doutoramento em Sociologia do Iscte e investigadora no Observatório das Desigualdades (OD). No âmbito do OD, tem colaborado numa multiplicidade de projetos, publicado artigos e apresentado comunicações científicas sobre desigualdades sociais em múltiplas áreas: na habitação, no mercado de trabalho, na saúde e na imigração. As desigualdades de capacidade e aspiracões migratórias são também temáticas – centrais no seu projeto doutoral – sobre as quais tem publicado.

Inês Tavares
IT
Teoria

Inês Tavares, licenciada, mestre e doutoranda em Sociologia pelo ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa, é investigadora no Observatório das Desigualdades do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES) do ISCTE. Participou em diversos projetos de investigação, maioritariamente relacionados com políticas públicas e desigualdades sociais. Além dos livros e artigos publicados, apresentou dezenas de comunicações focadas na problemática das desigualdades sociais, especialmente nos domínios da educação, mercado de trabalho, precariedade laboral, desemprego e habitação.

Sandra Mitchell-Phillips
Sandra Mitchell-Phillips
Prática

Sandra Mitchell-Phillips é a CEO da Ways to Wellness.

É uma executiva-chefe experiente com uma sólida formação em gestão de mudanças, juntamente com uma vasta experiência em planeamento estratégico de negócios e gestão de desempenho. Tabalhou num nível sénior no setor de Voluntariado, Comunidade e Empresa Social (VCSE) e no NHS e tem uma experiência considerável de trabalho com uma ampla gama de stakeholders. Tem uma vasta experiência no desenvolvimento de programas desde a conceção até à implementação, com ênfase particular na coprodução. Previamente, foi responsável por conduzir com sucesso uma organização de um órgão comissionado para uma instituição de caridade respeitada, oferecendo programas inovadores em Tees Valley e Durham.

João Machado
João machado
Estudante

João Machado é Presidente da Federação Académica de Lisboa, cargo que assumiu em fevereiro deste ano. Foi, durante 2 mandatos, Presidente da Direção da Associação de Estudantes do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, sendo que foi também Vice-Presidente do Conselho Pedagógico do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas durante mais de 2 anos.

É licenciado em Ciência Política pela Universidade de Lisboa, e frequenta, atualmente, o 2º ano do Mestrado em Ciência Política, também na Universidade de Lisboa.